Não quero ser humano.

Imagem relacionada

Talvez, o problema seja comigo. Eu tenho essa estúpida mania de esperar demais das pessoas e o resultado sempre será decepção. Talvez, seja culpa minha, eu tenho esse problema de querer lutar por amizades vazias, de querer resgatar amores rasos. Talvez, eu que seja trouxa o suficiente para não aceitar a realidade tão facilmente como todas as outras pessoas.
Talvez, eu deva parar de querer fazer o certo, porquê, de acordo com o mundo ao meu redor, o certo se tornou errado. Talvez, eu devesse parar de tentar fazer os outros felizes, pois eu simplesmente deveria fazer como os outros: sentar e assistir as outras pessoas afundarem sem esticar a minha mão para ajudá-las.
Talvez, eu devesse parar de ligar para o sentimento alheio e dizer todas as bobagens que vem a minha cabeça, o que eu tenho a perder? Eu apenas me tornaria tão individualista quanto os outros. Não faria mal algum. O mundo está cheio de pessoas iguais, eu só seria mais uma máquina programada para viver a rotina. 
Talvez, a próxima tendência do mundo moderno seja o egocentrismo e a próxima moda, a ignorância. Talvez, o próximo acessório mais vendido seja uma máscara e o próximo "padrão" se torne a falsidade. O ser humano deixou de ser humano.
Talvez, a falta de respeito passe a ser legal e a humildade se torne banal. Talvez, roubar se vire uma profissão e matar vire diversão.
Talvez, eu não seja humana. Todos ao meu redor vivem em função de si mesmo. Não há sentimento, não há compaixão, parece que ninguém tem coração. Mas, quer saber de uma coisa? Se ser humano é sinônimo de egoísmo, vazio e individualismo, tenho certeza de que não quero me tornar humana.

Laryssa.






sabrina ferreira disse...

Poxa, realmente esse sentimento de que esse mundo esta cada vez mais individualizado e que as pessoas não se esforçam para manter relações seja no trabalho/amigos/ amores, realmente são comuns em pessoas com o coração puro! 💗
Www.livroseoutrostrecos.com/

Nilton Alves disse...

Nossa, belo texto. As vezes também tenho esses pensamentos.

Yasmim - Blog Literarte disse...

Uau Laryssa adorei seu texto! Eu cheguei a pensar assim algumas vezes "talvez eu devesse parar de me importar com o que pensam de mim" talvez seja egocentrica mas se formos analisar, se eu me importar com TUDO que falam ou vão pensar de mim, eu não faço nada, não exponho minhas opiniões etc! Gostei muito da sua escrita, objetiva e reflexiva. Parabéns ��������������������

Mari Barros disse...

Que texto! As vezes eu me sinto assim e parece que nada ajuda. Nada coopera. Mas a gente consegue! Adorei seu texto, ficou incrível!

Mari Barros, Blog Diversamente

Livros da Lilly disse...

Nossa que texto. Acredito que todos nós ja nos sentimos assim, mas é tão complicado deixar de da importância para o que pensam e digam sobre nós. Assim como vc diz no seu texto, se ser humano é ser tão egoísta tbm não quero me tornar um.
Aliás, já acho ue sou de outra planeta ou era mesmo, então 😝